24 de novembro de 2011

Eu e Você - O Durante



Você geme, treme
Enlouquece
Enquanto te mordo de leve.
Você me diz para continuar
(e quem te disse que vou parar?)
Quero te possuir devagar
para ver se o agora se eterniza.
Sua pele lisa
E sensualmente suada
Fervendo de tão excitada
É uma dádiva, minha cara!
Amo-te de todas as formas e posições
Com direito a replay
Ora rápido, ora devagar
Como eu bem sei
Que você gosta.

Eu sinto seu cheiro
Puxo seu cabelo
Até te viro do avesso
Eu te aperto,
Puxo-te para mais perto
E te mostro o quanto te quero
Ofegante
(você me dá um trabalho...)
Excitante
(e você me chama de safado...)
Aqui é onde os minutos são horas
E o lá fora pouco nos importa
Eu só quero saber daqui de dentro,
dentro de você.

E tudo que eu sempre quis, enfim consegui:
Perdi-me completamente em ti.

Rio, 17 de Março de 2010.

Um comentário:

Suuu disse...

Uauuuuuuuuuu...

De tirar o fôlego!

Muiiiiiiito bom, Flavião!

Creative Commons License
Um Blog de Nada by Flavio Braga Mota is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License.
Based on a work at umblogdenada.blogspot.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://umblogdenada.blogspot.com.