10 de abril de 2014

A Rotina e seus (Pequenos) Contratempos

A tal da rotina é capaz de suscitar sentimentos opostos: se, por um lado, bocejamos ao pensar no quanto nosso dia-a-dia pode ser repetitivo (para não dizer chato), por outro lado nos descabelamos se algo sair dessa rotina. E quando pensamos em alguma coisa que nos tira dela, pensamos logo em coisas grandes, tomados por um espírito megalomaníaco, pois pensamos em engarrafamentos e tumultos infernais, mas esquecemos das coisas que, por mais que sejam pequenas, atrapalham e até acabam com nosso dia.
Um dia desses, por exemplo, justamente um dia em que fiquei o dia todo fora de casa, um chiclete resolveu colar na sola do meu tênis. Por mais inofensivo que o chiclete fosse, parecia que eu estava calçando em um pé um tênis e no outro um sapato de salto alto. E, levando em consideração que não tenho nenhuma prática em andar com salto alto, ainda mais num pé só (habilidade que provavelmente só um travesti perneta possui), isso foi um incômodo monstruoso. Ao chegar em casa, ajoelhei, levantei as mãos para o céu e falei “Ó,Senhor, se isso foi um teste, da próxima vez me peça para construir uma arca, é menos sofrido”. Depois disso só me restou torcer para que meu fone de ouvido não falhasse no dia seguinte, pois ter um fone que funciona só de um lado é algo tão ruim que não se deseja nem ao pior inimigo.
Se pararmos para pensar, na verdade, ficar falando mal da rotina é tão... Rotineiro. Vamos falar mal da novela, do salário, do nosso time, mas reclamar da rotina cansa. É nessas horas que lembro do nome daquela peça da Elisa Lucinda, “Pare de falar mal da rotina”. Até porque, por mais enfadonha que nossa rotina seja, ela é nosso porto seguro. Pode parecer um pensamento covarde, e é, admito. Mas ser incomodado dessa forma por um pedacinho de chiclete é chato demais.

Nenhum comentário:

Creative Commons License
Um Blog de Nada by Flavio Braga Mota is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License.
Based on a work at umblogdenada.blogspot.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://umblogdenada.blogspot.com.