4 de fevereiro de 2012

Antes de Dormir

Isso sim é dormir feito uma estátua. Rá!

As dívidas e dúvidas
(que são muitas)
me cobram.

Meus maiores medos
(que medem três dedos)
me sufocam.

Não durmo.
Descrente no futuro
e perdido no pior dos meus mundos.

Eu,no meu quarto, sozinho,
em meio a desatinos.
Angustiado
pensando em amores perdidos.
Insone e acuado
a ponto de quase chorar.

Mas eis que o sono,
feito cavaleiro errante
que vem de um reino distante,
Sempre me salva quando vem.
E, enfim, tudo acaba bem.

Apesar dessa batalha diária
Tão épica quanto vã
Sempre pego no sono
e acordo só de manhã.

Rio, 4 de Fevereiro de 2012
(Escrito depois de uma soneca, claro)

Nenhum comentário:

Creative Commons License
Um Blog de Nada by Flavio Braga Mota is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Compartilhamento pela mesma Licença 2.5 Brasil License.
Based on a work at umblogdenada.blogspot.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://umblogdenada.blogspot.com.